O Sistema Ambiental Paulista (SAP) é responsável pela gestão ambiental no território do estado de São Paulo. O sistema tem a Secretaria do Meio Ambiente como órgão central e é composto por coordenadorias, institutos, fundações, Cetesb e Polícia Militar Ambiental.

Recentemente, iniciaram o projeto “Papel zero” com o objetivo de implementar tecnologias para otimizar o fluxo de trabalho, reduzir custos e atingir melhores resultados. A principal mudança será a transição de processos físicos (em papel) para digitais. Os benefícios são diversos, desde a economia no uso de papel, aumento da autenticidade dos documentos, maior segurança no armazenamento dos processos, agilidade na operação, entre outros.

A Softplan, há um ano, está mapeando o fluxo de processos dos órgãos e desenvolvendo a tecnologia e-Ambiente. O sistema da Softplan permitirá que os processos como Licença ambiental, Fiscalização e apuração de denúncias sejam feitas em uma única plataforma digital, mesmo envolvendo diversos órgãos do SAP.

Entre os dias 29 de maio e 09 de junho, a WeGov esteve em São Paulo realizando uma oficina sobre inovação e tecnologia. Evidenciamos as transformações sociais e as novas tecnologias disponíveis, conectando esse contexto com as atividades do SAP. O objetivo da facilitação da oficina foi de iniciar o desenvolvimento de competências inovadoras com os servidores. Desta forma, prepará-los para o uso de novas ferramentas de trabalho e predispostos a identificação de novas oportunidades para os desafios da gestão pública ambiental.

A abordagem da oficina esteve em aproximar o aperfeiçoamento de novos métodos de trabalhos com as funções finalísticas das instituições, destacando o impacto na conciliação do desenvolvimento econômico com o uso dos recursos naturais, de modo a assegurar a sustentabilidade do meio ambiente, nos seus aspectos físicos, socioculturais e econômicos.

Lincon Shigaki

Lincon Shigaki

Lincon Shigaki é formado em Administração na Universidade Federal de Santa Catarina. Trabalhou com consultoria em gestão no Movimento Empresa Júnior, onde foi Presidente da Ação Júnior e da Fejesc. Possui uma fé inabalável que podemos viver em um país melhor, e não consegue se ver fora do processo de transformação dessa realidade.



Mais artigos